A lei do inquilinato no Brasil prevê diversos direitos e deveres entre locatário e proprietário. Quando o assunto é manutenção do imóvel alugado a lei é bastante clara sobre as obrigações das partes envolvidas.

Ao inquilino fica o dever de cuidar e zelar pela residência como se fosse sua, já o proprietário fica responsável pelos reparos relacionados a problemas anteriores à locação e também por manutenções estruturais.

É importante lembrar que todo imóvel está sujeito a problemas na rede hidráulica, elétrica, esgoto ou telhado e que as manutenções são necessárias e não podem esperar. O proprietário deve ter em mente que o morador precisa fazer suas atividades diárias e manter o bem-estar de vida no imóvel alugado.

Fique ligado:

Para proprietários e inquilinos que optaram por usar uma imobiliária como mediadora da relação, é importante checar se a empresa está preparada para ajudar nessas situações. Muitas imobiliárias já digitalizaram boa parte dos processos burocráticos e conseguem triangular as questões e fazer a ponte para a aprovação de manutenção e reparos domésticos com rapidez e eficiência.

Outro ponto importante sobre a manutenção do imóvel alugado é a qualidade da prestação dos serviços. Para que a experiência entre inquilino e proprietário seja positiva é fundamental que os serviços prestados sejam de qualidade, que o atendimento seja prestativo, rápido e de confiança.

Como previsto na lei de locação, quem deve autorizar a feitura da manutenção é o proprietário. O inquilino, por sua vez, pode ficar com a responsabilidade de entregar orçamentos para o reparo.

Neste texto, vamos explicar porque é importante fazer a manutenção do imóvel alugado e como desenrolar o problema de maneira rápida, prática e segura.

Por que fazer a manutenção do imóvel alugado?

A manutenção do imóvel alugado não deve ser vista apenas como um cumprimento da lei, ela também deve ser um hábito. Inquilinos, imobiliárias e proprietários precisam entender a importância de um imóvel funcional e seguro.

Uma manutenção mal feita ou a falta de reparos podem colocar em risco a vida dos inquilinos, afetar a saúde dos moradores e desvalorizar o imóvel. Por isso, é importante manter a manutenção em dia e valorizar os benefícios de um lar saudável e bem cuidado.

Benefícios das manutenções e reparos

  • Redução de riscos

Ao fazer a manutenção do imóvel, os riscos de acidentes futuros serão reduzidos. Além disso, outros problemas podem ser identificados, prevenindo dores de cabeça a longo prazo. Esse é um detalhe importante, principalmente, quando no local há grande fluxo de crianças ou idosos.

  • Menos prejuízos

Uma manutenção bem feita desencadeia menos prejuízos com gastos de reparos e novas obras. Isso porque, quando a manutenção é feita na fase inicial do problema e com qualidade, os custos tendem a ser menores.

  • Valorização

Quando os imóveis são bem cuidados e conservados ganham mais valorização no mercado. Esse é um detalhe importante para as imobiliárias que alugarão o imóvel para futuros inquilinos.

Como fazer a manutenção do imóvel alugado

Já entendemos que inquilinos e proprietários têm responsabilidades no cuidado com o imóvel, mas como se deve fazer a manutenção de uma casa ou apartamento alugado? O inquilino pode fazer como quiser? Quem paga é o proprietário? Qual o papel da imobiliária no trâmite?

Segundo a lei do inquilinato o proprietário é responsável pelo pagamento de reparos que surgiram antes do aluguel do imóvel e de manutenções estruturais. O inquilino não deve fazer nenhuma reforma ou obra sem a autorização prévia do proprietário. Após autorização, eles podem combinar se o pagamento é feito pelo inquilino e descontado do valor de aluguel, ou se o proprietário assume a paga.

A imobiliária, por sua vez, fica responsável por fazer o contato com o proprietário a partir do anúncio do inquilino sobre o problema. A maioria dos contratos de locação vai solicitar que o inquilino faça 3 orçamentos de reparo e passe para a imobiliária que deve aprovar com o proprietário.

Modernização das imobiliárias e a manutenção dos imóveis alugados

Com o avanço dos aplicativos para celular e serviços cada vez mais digitalizados, algumas imobiliárias e administradoras de aluguéis, como a Auxiliadora Predial, passaram a buscar soluções para que a manutenção dos imóveis alugados e o relacionamento entre inquilinos e proprietários funcionasse de forma mais ágil e moderna.

A Auxiliadora Predial, por exemplo, implementou o uso do app da Fix com uma solução para as burocracias que envolvem o pedido de uma obra de manutenção. Por meio do app, o inquilino solicita uma manutenção, recebe orçamentos de profissionais qualificados e de confiança, o proprietário recebe os valores e seleciona o prestador para concluir o serviço, tudo feito digitalmente.

A Fix atua como parceira das imobiliárias para que esse processo entre proprietário e inquilino seja simples, prático e satisfatório.

As imobiliárias parceiras da Fix têm alguns benefícios,como praticidade e agilidade no atendimento; consertos mais rápidos; redução de riscos, uma vez que a contratação dos profissionais para atendimento via app é rigorosa, além da garantia pela qualidade do serviço prestado.

Para ser parceira da Fix é muito simples. Primeiro, é feito o cadastro da imobiliária e assinatura do contrato. Depois, é definida a comunicação e os detalhes operacionais e por fim, é realizado um treinamento sobre o uso da plataforma e sua ativação.

Vamos mostrar em um passo a passo de como fazer a manutenção do imóvel alugado:

  • 1º passo: baixar o aplicativo

O aplicativo da Fix está disponível no Play Store e no App Store. Com um layout intuitivo é fácil para solicitar o serviço desejado.

  • 2º passo: fazer o cadastro e solicitar o serviço

Ao baixar o app é preciso fazer um cadastro, basta inserir o email e número de telefone. Em seguida, o serviço deve ser solicitado informando o endereço e qual o problema.

  • 3º passo: escolha dos horários

Depois de informar o problema, com detalhes, é possível escolher três horários diferentes para que o inquilino receba a equipe da Fix. No chat do aplicativo, é possível conversar com um profissional quando o problema for complexo. Os horários podem ser reagendados.

  • 4º passo: orçamento é feito e aprovado

O orçamento para o serviço é feito e enviado para o proprietário, que escolhe o prestador. Após aprovado, a imobiliária recebe pelos serviços contratados.

O aplicativo de serviços que conecta você aos melhores prestadores para consertos, reparos, instalações e manutenções na sua casa.

Gostou do texto? Então deixe seu comentário e interaja no Facebook e Instagram.