No mercado existem cada vez mais tipos de torneiras disponíveis, dos mais diferentes modelos e formatos. São modelos diversos que estão cada vez mais adaptados para facilitar a vida dos moradores e deixar os ambientes ainda mais bonitos. Afinal, unir funcionalidade com beleza é uma das peças fundamentais. Mas, como escolher a melhor torneira para sua casa?

Antes de responder a essa pergunta, você precisa definir onde essa torneira será instalada, pois a torneira ideal para o banheiro ou o lavabo, por exemplo, não serve para a cozinha. 

Outro ponto a ser pensado é o material que você vai escolher, qual a altura ideal da torneira em relação à cuba e o comprimento da bica, se vai ser de parede ou de bancada, uma torneira simples ou com misturador, e também o modelo que mais se adequa ao seu ambiente em termos decorativos.

E não se engane, não importa se você está procurando torneira de cozinha, banheiro ou lavabo, para escolher a melhor opção você precisa conhecer as principais variedades e responder a essas perguntas. Por isso, separamos os principais pontos para te ajudar na escolha. Veja!

Qual a melhor altura da torneira para sua casa

A primeira coisa que você precisa pensar na hora de escolher a melhor torneira para sua casa é a altura dela em relação à cuba. Para isso, pense em qual uso você vai fazer dessa torneira em determinado cômodo da residência.

Para torneiras de cozinha, por exemplo, o indicado é que exista uma distância de pelo menos trinta centímetros entre a bica da torneira, por onde sai a água, e a cuba da pia, por onde a água entra pelo ralo. Esse espaço é ideal porque geralmente na pia se lava muita louça, alimentos, panelas, o que faz necessária a distância para que essas coisas caibam debaixo do enxague da água. 

Essa regra vai valer tanto para torneiras instaladas na parede quanto para torneiras instaladas na bancada.

Já no caso de lavabos e pias de banheiro, essa altura toda não é necessária, porque o uso que será feito nesses ambientes é o de lavar as mãos. O ideal é que a torneira tenha um tamanho compatível com a pia e que o jato de água seja direcionado diretamente para o ralo. Se a distância for muito grande, a água vai acabar molhando a bancada toda e o chão.

 

Metal ou ABS: qual o melhor material de torneira para sua casa?

São basicamente dois os tipos de materiais com que são feitas as torneiras, metal e plástico ABS. O que vai ser decisivo para você na hora de escolher entre um e outro é a durabilidade de cada um e o preço.

As torneiras de metal costumam ser mais caras, porém têm uma durabilidade maior. Elas possuem o miolo feito de latão, liga de zinco ou de cobre, ou de aço inoxidável. O acabamento costuma ser o cromado. 

Já as torneiras de plástico ABS são mais baratas, mas com uma durabilidade inferior. Esse tipo de torneira pode ser encontrado na cor branca, a cor original do plástico, ou em tons metalizados, que são coloridos por cima do plástico. Tendo essas características em vista, a decisão fica por sua conta.

Arejador e misturador: pra que serve?

Alguns detalhes que envolvem torneiras podem fazer toda a diferença no uso cotidiano que se faz delas. Eles podem ajudar na economia de água, por exemplo, assim como ajudar nos dias frios no caso de misturadores.

O arejador de uma torneira serve para adicionar ar ao jato de água. Eles ficam na saída da torneira e tendem a diminuir em até 50% o volume de água, o que contribui grandemente com a economia de água. Essa diminuição de água não interfere na qualidade da lavagem da louça, por exemplo, isso porque ela garante a quantidade suficiente de água, sem desperdício.

Muitas torneiras hoje em dia já vem com arejadores, porém também é possível comprá-los separadamente para serem encaixados em qualquer modelo de torneira.

Já os misturadores são mecanismos para torneiras com sistemas de aquecimento de água, permitem que ela saia quente ou fria, podendo ter um registro monocomando ou de duplo comando para controlar a temperatura e a vazão da água. Quando for fazer a escolha pela água quente nas torneiras, é importante pensar onde ela é realmente necessária. Porque se você não for usar, não faz sentido o investimento.

Qual a melhor torneira para sua casa?

As opções de torneiras são inúmeras, o que pode confundir um pouco, pois quanto mais opções mais difícil fica escolher uma. O que é preciso pensar na hora de comprar uma torneira é que você só deve ir até a loja ou fazer a compra online depois de pesquisar os tipos e analisar todos os detalhes que já te informamos acima. 

Se você for direto em uma loja, por exemplo, pode acabar gastando mais, pois o que vai ser indicado para você geralmente vai ser o produto mais caro e não necessariamente o que você precisa. Abaixo, listamos os principais tipos para te ajudar em como escolher a melhor torneira para sua casa.

Torneira convencional

Esta é a clássica torneira fria, também conhecida como torneira convencional, é a mais comum, com a qual estamos mais acostumados. Essas torneiras contam com um registro que controla a saída da água em temperatura natural. Ou seja, nelas não há a possibilidade de controlar a temperatura da água.

As torneiras convencionais servem ao seu propósito, mas não têm tanta tecnologia quanto alguns lançamentos mais recentes. Porém, existem novos modelos de torneira fria que têm design diferenciado e formas de registro diferentes, por exemplo, garantindo mais conforto e evitando desperdício.

Tudo dependerá do quanto quer investir, mas principalmente, como ela irá harmonizar com o resto do ambiente.

Torneira monocomando

Esta torneira monocomando é aquela que conta com um misturador de apenas um comando. Ou seja, é possível controlar a saída de água quente e fria, mas isso é feito acionando um mesmo comando. Este é um dos tipos de torneiras considerado gourmet. Algumas são realmente lindas, seu preço levemente mais elevado, mas com design e acabamentos diferenciados.

 

 

 

 

 

Torneira multitemperatura

A torneira elétrica multitemperatura, assim como todas as outras sobre as quais estamos falando aqui, pode ser usada como torneira de cozinha, mas também de lavabo e banheiro. Ela conta com variações preestabelecidas de temperatura, o que possibilita que as atividades domésticas sejam feitas com mais conforto. Muito utilizado em locais frios, onde ter água quente à disposição é mais que um conforto, uma necessidade.

 

 

 

Torneira eletrônica

A torneira eletrônica é também um tipo de torneira elétrica que permite personalizar a temperatura gradualmente. Isso quer dizer que você poderá decidir exatamente quão quente ou fria quer sua água. O controle total do aquecimento garante muito mais bem estar.

Cada uma das torneiras apresentadas aqui possuem centenas de modelos, são fabricadas por várias marcas e podem ser encontradas em diversos tamanhos e cores, tudo com a intenção de permitir que você tenha o melhor uso aliado à aparência do local.

E na hora de trocar a torneira?

Imprevistos acontecem. Por esse motivo, devemos estar sempre atentos e preparados para resolvê-los da melhor forma possível. Uma torneira pode precisar ser trocadas por vários fatores. Isso pode acontecer por conta de entupimentos, por mau uso da torneira, porque ela quebrou ou simplesmente porque o seu tempo de uso já acabou. 

Se a sua torneira precisar ser trocada, por exemplo, você sabe como fazer? Se você não sabe como trocar uma torneira, preste atenção nesse mini tutorial.

 

  1. Desligue o registro de água, esse é o primeiro passo para evitar o desperdício de água e também para não inundar a sua casa toda e também não tomar um banho na hora errada. 
  2. Materiais necessários: um kit de torneira novo, que vem com uma torneira, acabamento de parede e adaptador de tubo; fita veda rosca; uma chave de grifo, ou chave stilson, como também é conhecida.
  3. Desenrosque a torneira da parede ou da bancada com a chave de grifo.
  4. Limpe o buraco do cano com cuidado, pois ele deve ter alguns detritos indesejáveis.
  5. Coloque a fita veda rosca antes de encaixá-la na parede, umas cinco voltas é suficiente. 
  6. Coloque o acabamento externo que vem com o kit e encaixe a torneira na parede. Enrosque até ficar bem apertado, use a chave de grifo se for necessário. 
  7. Pronto. Ligue o registro e verifique se não há nenhum vazamento.

 

É simples, mas demanda algum esforço e tempo. Em todo caso, você pode sempre contar com a Fix, temos encanadores profissionais e qualificados que podem fazer esse serviço para você. Nossos serviços são práticos, seguros e tem um custo benefício interessante para quem quer aliar qualidade ao preço.

Chame a Fix!

O aplicativo de serviços que conecta você aos melhores prestadores para consertos, reparos, instalações e manutenções na sua casa.

Gostou do texto? Então deixe seu comentário e interaja com os nossos perfis nas redes sociais.

baixe o app da Fix

Atualizado em: